Como Lidar Com O Cabelo Oleoso

Todo mundo tem uma amiga que tem o cabelo oleoso. Se você não tem, cuidado, você pode ser ela. Brincadeiras à parte, segundo uma pesquisa do Centro de Inovação da multinacional P&G, cerca de 39% das mulheres brasileiras afirmam ter problemas com a oleosidade nos fios. Às vezes isso depende da genética, tem gente que simplesmente nasceu assim, ou pode depender dos seus hábitos diários.

Seja como for, é comum as mulheres procurarem formas de deixarem seu cabelo menos oleoso. Como por exemplo: planejar a que hora exata do dia você deve lavar para ele continuar bonito durante a noite. Ou evitar encostar no cabelo e se esquivar quando os outros vão fazer um carinho. É passar tempo o suficiente na frente do espelho tentando entender se você usa um coque ou os outros vão reparar no seu cabelo oleoso. Mas, deixa eu te contar um segredo: é como qualquer outra insegurança, sempre parece horrível na gente mas na verdade ninguém repara. 
Seis dicas para lidar com o cabelo oleoso 

1. Condicionador apenas nas pontas 
Pode parecer besteira, mas tem muita gente que não sabe, você não deve nunca passar condicionador no couro cabeludo. O shampoo é indicado para esta área, já que ele tem a função de limpar o cabelo. Se você passar shampoo em todo o comprimento pode ressecar os fios. A regra dos contrários vale para o condicionador. Como ele é um produto mais pesado que serve para tratar os fios, o ideal é que você passe apenas do meio até as pontas, para evitar a oleosidade na raiz. 

2. Use talco de bebê 
Se fosse uma batalha de memes, o talco de bebê seria o raiz e o shampoo seco seria o nutella. Ambos funcionam da mesma maneira, você só tem que aplicar o talco com mais cuidado na raiz e dar uma pequena esfregadinha. Se você tem um cabelo muito escuro, pode misturar um pouco de bronzer de maquiagem no talco. 

3. Use shampoo seco 
O shampoo seco é uma versão sofisticada do talco de bebê, mas é tiro e queda contra o cabelo oleoso. Pode parecer uma dica óbvia, mas ele ajuda a aumentar o tempo entre as lavagens porque além de diminuir a oleosidade, o shampoo seco limpa a raiz dos fios. 

4. Penteie com moderação 
Não pentear o suficiente evita que o óleo natural do seu cabelo seja distribuído e fique acumulado na raiz. Por outro lado, pentear/escovar demais pode estimular a produção de óleo. Por isso, tente desembaraçar após o banho e no máximo mais uma vez ao dia. 

5. Escolha bem os seus produtos 
Evite produtos pesados como mouses e gels, que podem deixar seu cabelo volumoso mas não afetam na oleosidade. Fique longe de cosméticos que deixem o cabelo “brilhante”. Depois do banho, você deve usar o mínimo de produtos possíveis.

6. Finalizador para cabelos cacheados 
Os cabelos cacheados costumam ter a raiz oleosa e as pontas secas. Por isso, você deve cuidar de cada área dos fios de uma maneira diferente. Para lidar com a parte do cabelo oleoso, é só usar as dicas acima. Agora, para balancear a textura do resto do cabelo, você deve usar um finalizador que diminua o ressecamento como: leave-ins, cremes de pentear e ativadores de cachos.
QUERO LER O POST COMPLETO

OS HITS FASHION QUE VÃO DOMINAR A PRÓXIMA ESTAÇÃO


SEGUNDO A RENOMADA CONSULTORA DE MODA, GLÓRIA KALIL, AUTORA DE VÁRIOS LIVROS SOBRE O TEMA E ACIMA DE TUDO APAIXONADA PELO ASSUNTO, GLÓRIA KALIL, MAIS DO QUE NOVAS MODELAGENS, A MODA RESOLVEU QUE O IMPORTANTE NESTA TEMPORADA SÃO OS COLORIDOS!!!

HOJE, PODEMOS NOS ATUALIZAR ACRESCENTANDO AO VISUAL UM ACESSÓRIO, UMA SAPATILHA OU UMA PEÇA DE ROUPA QUE POSSA SER MISTURADA AO QUE JÁ TEMOS NO GUARDA-ROUPA. SÃO MUITAS AS CORES QUE VÃO NOS AJUDAR NA TAREFA DE ESTAR NA MODA SEM TER QUE GASTAR MUITO. VAMOS A ELAS???

MARSALA: QUER UM LOOK MAIS INVERNAL SEM CAIR NAS ROUPAS ESCURAS? O MARSALA É UM TOM UM POUCO MAIS JOVEM E VIBRANTE QUE SE DÁ BEM COM PELES CLARINHAS, MORENAS OU NEGRAS, ALÉM DE FICAR ÓTIMO EM ROUPAS ESPORTIVAS OU MAIS FORMAIS.

VERDE MUSGO: VEM DA NATUREZA A BASE PARA ESSA PALETA. PARTINDO DO MUSGO E ESTAMPAS CAMUFLADAS, SEGUIDA DE LISTRAS E DE OUTROS TONS DE VERDE, ESCUROS OU BRILHANTES. OS TONS DE VERDE SE TORNAM AINDA MAIS AUDACIOSOS QUANDO COMBINADOS COM VERMELHO OU LARANJA.

ROSÊ: ESSA VARIAÇÃO DO ROSA É MUITO FEMININA E SOFISTICADA. ESPECIALMENTE, SE FOR MISTURADA AO PRETO. UMA BOLSA, UM CINTO, OU UM LENCINHO NA COR ROSÊ FAZEM DE QUALQUER VESTIDO PRETO UM ACONTECIMENTO DA MODA.

BEGE: PARA PELES MORENAS E CABELOS ESCUROS, APOSTE NOS BEGES MAIS ROSADOS; PELES CLARAS FICARÃO MAIS HARMONIOSAS AO LADO DE BEGES MAIS ESCUROS OU PUXADOS PARA O AMARELO. BIJUTERIA DOURADA VAI GARANTIR BRILHO E FORÇA A ESTE NEUTRO TÃO USADO PELA MODA.

VERMELHO: O VERMELHO FICA BEM SOZINHO, COM PRETO, MARINHO, CINZA E ATÉ COM ROXO O DANADO SE ENTENDE! É UMA COR ALEGRE, PRA CIMA, CHEIA DE VIDA. FUNCIONA NO GUARDA-ROUPA DE JOVENS, MAS TAMBÉM NO DE PESSOAS MAIS MADURAS QUE QUEREM SE SENTIR ATUALIZADAS E CHEIAS DE ENERGIA.

PRETO: PODE SER USADO PARA UM ALMOÇO, PARA TRABALHAR, E PODE TAMBÉM SER A ROUPA DE UMA BALADA OU DE UMA FESTA. NÃO IMAGINO UM GURDA-ROUPA QUE NÃO TENHA UMA BOLSA E UM SAPATO PRETOS QUE VÃO COMBINAR COM DIFERENTES OCASIÕES. PEÇAS E ACESSÓRIOS DESSA COR SÃO SEMPRE ÓTIMOS INVESTIMENTOS.

JEANS: É DEMOCRÁTICO, FÁCIL DE USAR E COMBINA COM TODAS AS CORES DO ARCO-ÍRIS. UM ANO E ELE VEM MAIS ESCURO, ÀS VEZES MANCHADO, OU CLARINHO, PODE VIR TAMBÉM RASGADO E FURADO OU TODO ENFEITADO, BORDADO E COBERTO DE PÉROLAS. SEMPRE LINDO, SEMPRE CERTO.

ESCOLHA O SEU PREFERIDO E ARRASE POR AÍ!!!
QUERO LER O POST COMPLETO

Chapéu, boina e gorro: Como combinar os acessórios com o look

Esqueça um pouco do preto, o inverno também está aí para você ousar nas cores.Os chapéus, boinas e gorros voltaram com tudo! Os acessórios combinam com o clima frio, nos protegem e ornam muito bem com os looks para o inverno. 

Atualmente existem diversos modelos, para todos os gostos e bolsos. São diferentes estilos, maneiras de usar, com abas menores e maiores, de couro, tricô, enfim…não faltam opções. 

Se não se sente confortável com cores vivas, tons de bordô e os mais clarinhos são ótimos para compor o look.

Os chapéus ficam ótimos com casacos longos no frio.

Mas também combinam com roupas de verão!

Os estilos com a aba mais larga estão super na moda. Eles dão um ar elegante e chique ao look.

E podem ser combinados com qualquer acessório, como cachecóis... E óculos!

O legal do chapéu é que ele fica bom com qualquer corte de cabelo.

Os estilos como panamá e fedora, que possuem uma aba mais curta, ficam lindos com qualquer look, seja no inverno ou verão.

Aposte nos modelos mais clássicos, que imitam os chapéus dos anos 30 e 40...

Aposte nas boinas, elas dão um ar clássico ao look.

Existem alguns modelos mais "cools", como este em couro...

Outra opção é a boina com aba...

Não se esqueça das toucas e gorros!!!


E ai, gostaram das dicas????????
Qual estilo combina mais com você?

QUERO LER O POST COMPLETO

Como acabar com a caspa e controlar a oleosidade

Não tem nada mais desagradável do que vestir aquela blusinha preta que você adora e reparar que ela está cheia de pontinhos brancos, ou então querer deixar os cabelos soltos, mas perceber que eles estão oleosos demais e com um aspecto ruim.
De fato, a caspa e a oleosidade excessiva dos cabelos são mesmo muito inconvenientes e atrapalham a nossa vida, mas, a boa notícia é que eles podem ser combatidos e você pode voltar a ter fios mais bonitos e roupas intactas! Vamos descobrir como acabar com a caspa e controlar a oleosidade dos cabelos na sequência.
Conhecendo o inimigo 
A caspa é uma descamação excessiva do couro cabeludo e pode acontecer por diversos motivos. Os mais comuns são o desequilíbrio da oleosidade do couro cabeludo por razões hereditárias, ação de cosméticos e tratamentos químicos, e até bactérias, mas é necessário descobrir o que está causando a caspa no seu casopara poder combatê-la de forma mais assertiva.

A melhor solução para isso é procurar um dermatologista, para que ele possa diagnosticar corretamente o motivo da sua caspa e determinar o tratamento necessário para acabar com ela.
Em alguns casos, apenas interromper o comportamento que esteja causando a caspa (como o uso contínuo de um produto capilar), ou passar a utilizar shampoos que diminuem a incidência da caspa já são suficientes para reduzir o volume.

Mas, na maioria das vezes, a caspa está ligada a um desequilíbrio da oleosidade capilar, então é preciso controlar a oleosidade para deixar de ter caspa.
E quando dizemos controlar é porque o couro cabeludo possui uma oleosidade natural, que é essencial na manutenção e saúde dos fios. Então não podemos simplesmente retirar toda a oleosidade, ou os cabelos se tornaram secos e sem vida, a tarefa aqui é encontrar a medida certa.
Se você está com caspa, provavelmente a sua oleosidade capilar está em desequilíbrio, então vamos pontuar algumas medidas para corrigir o nível de óleo produzido pelo couro cabeludo e te mostrar como acabar com a caspa de vez! 

Cuidado com os produtos 
Um dos primeiros cuidados eu você deve adotar é prestar mais atenção aos cosméticos que usa. Produtos com silicone, abacate, óleos e outros elementos gordurosos na composição devem ser evitados por quem quer manter os cabelos com a oleosidade equilibrada.

Quem tem os cabelos naturalmente muito oleosos também precisa começar a utilizar shampoos e outros produtos apropriados para o seu tipo de cabelo. Eles vão ajudar a controlar a produção de óleo no couro cabeludo e deixar os fios com um aspecto melhor.
 
Repense seu banho 
Também não é bacana lavar os cabelos com água muito quente. Por um lado, a alta temperatura provoca o ressecamento dos fios, e por outro estimula ainda mais a produção de óleo, fazendo com que seus cabelos fiquem ressecados, mas com raízes ainda mais oleosas.
Na hora de aplicar condicionador e máscaras de hidratação, o ideal é manter os produtos longe das raízes, já que a absorção dos cosméticos pelas raízes dos cabelos também pode contribuir para deixá-los mais oleosos.
Por fim, não se esqueça de enxaguar muito bem os cabelos (com água morna ou fria) para garantir que nenhum resquício de produto vai ficar nos fios e, principalmente, nas suas raízes.

Cuidado com os acessórios 
Não é que chapéus sejam causadores da caspa, pelo menos não diretamente, mas ficar com o couro cabeludo abafado por muito tempo pode sim estimular a oleosidade capilar e, consequentemente, agravar a caspa.
Por isso, opte por chapéus mais abertos, que sejam feitos de materiais leves e que permitam que o couro cabeludo respire. Se for ficar o dia inteiro de chapéu, tente tirar o acessório eventualmente para ventilar.

Evite finalizar o cabelo com secador 
O uso muito frequente de modeladores, sobretudo do secador muito próximo da raiz, também pode colaborar com uma maior produção de oleosidade nos cabelos, então é sempre bom dosar o seu uso e finalizar o seu cabelo de outras formas, de vez em quando. 

Cuidado com as químicas 
Os alisamentos baseados em selagem dos fios, como a escova progressiva, costumam deixar resíduos nos cabelos que estimulam a produção de caspas e aumentam visivelmente a oleosidade.
Por isso, se você já tem problemas com caspa, o ideal é que se informe com o seu cabeleireiro antes de passar por procedimentos como esses, ou que esteja preparada para um aumento na caspa durante os dias depois do alisamento.
QUERO LER O POST COMPLETO

Texturização: 3 dicas de texturização capilar

O cabelo é uma parte muito importante da beleza feminina e diz muito sobre nossa personalidade, gostos e até o momento de vida em que estamos, é por isso que temos tanto cuidado e carinho com ele.
Só que, de vez em quando, bate aquela vontade de mudar o aspecto do cabelo: com mais volume, menos volume ou deixar ele bem estruturado. Porém, muitas vezes não fazemos isso por achar que mudar o formato dos fios pode prejudicar muito a saúde dos cabelos.
Mas e se você pudesse transformar a forma dos seus cabelos sempre que quiser sem ter que recorrer a químicas ou tratamentos definitivos? Isso é possível e a solução se chama texturização capilar.
Chamamos de texturização capilar todos os processos que modificam o formato natural do fio sem utilizar procedimentos químicos. O bacana da texturização é que você pode experimentar diferentes tipos de cabelo sem agredir seus fios e ainda podendo desfazer a técnica quando enjoar. Ou seja, texturizar é vida!
Usar modeladores, bobes, bigudins… tudo isso são ferramentas de texturização. E existem várias outras formas de texturizar o seu cabelo, inclusive com elementos que com certeza você tem em casa e técnicas bastante simples.

A texturização durante a transição capilar


A texturização também é muito importante para quem está em transição capilar. Depois que deixam de alisar quimicamente os fios, as “transicats” têm que lidar com um cabelo com duas texturas: a raiz com o formato natural do fio e as pontas que ainda estão alisadas.
Nesses casos, a texturização dos cabelos ajuda muito porque é possível modelar as partes mais lisas para que fiquem mais parecidas com os cachinhos que estão surgindo na raiz.
Confira as nossas formas de texturização de cabelo preferidas para você adotar já!

Antes da texturização, a preparação!

A maioria das técnicas de texturização capilar envolvem o uso de algum produto que possam dar mais firmeza para o cabelo e ajudá-lo a tomar o formato desejado.
Um produto ótimo para esse tipo de técnica é o Gel Creme Do Meu Cabelo Cuido Eu da Salon Line, por exemplo. Criado especialmente para ajudar na texturização e que garante a estrutura que os fios precisam devido a textura de gel + creme.
Outros tipos de gel também são ótimos para texturizações, alguns aumentam a fixação da textura, outros a definição e tem até os que garantem aquela volumão que é cobiçado por muitas cacheadas e crespas.

Texturização com coquinhos


Essa é uma técnica supersimples que qualquer uma pode fazer em casa e que deixa um efeito lindo nos cabelos.
O primeiro passo é desembaraçar os cabelos. Em seguida, umedeça e aplique o gel ou creme para pentear para ativar os cachos e manter a textura por mais tempo.
Aplique o produto em todo o cabelo, mecha a mecha. Em seguida, pegue cada uma das mechas e enrole-as em um coque, prendendo no alto da cabeça. No final do processo você terá vários mini-coques.
Deixe os coquinhos presos por algumas horas e depois comece a soltar o cabelo. O resultado será um cabelo ondulado e com volume excelente para fazer penteados, ou mesmo para ser deixado livre, leve e solto!

Texturização com trança de dois ou twist


As tranças são amplamente utilizadas para texturizar os cabelos, e você pode utilizar a até a trança convencional para isso.
Mas há também a técnica da trança de dois ou twist, que consiste em entrelaçar duas mechas do cabelo. O resultado é um cabelo com uma cara de frisado, muito mais volume e uma textura bem interessante.
Para fazê-lo separe o cabelo em mechas e vá aplicando o creme para pentear em cada uma. Pegue a primeira mecha e divida em duas partes, mais ou menos da mesma espessura. Depois é só passar uma mecha pela outra, como se estivesse fazendo uma trança mesmo.
Quando chegar no fim, para garantir que o twist não vai desmanchar, enrole a pontinha no seu dedo indicador. Você pode usar o próprio twist como penteado, ou pode esperar algumas horas e soltar as trancinhas para conseguir uma textura bem ondulada. Quanto mais você separar os twists, mais volume vai conseguir!
QUERO LER O POST COMPLETO

Shampoo antirresíduos: como usar corretamente?


É verdade que os produtinhos para cuidar do cabelo são grandes aliados das mulheres, mas você sabia que o acúmulo de resíduos pode acabar prejudicando os fios?

Quando o cabelo passa muito tempo recebendo compostos diferentes, ele fica pesado, opaco, sem movimento e a estrutura dos fios fica enfraquecida.

Além disso, a exposição do cabelo frequente ao sol, vento, poeira e poluição também contribui para que o cabelo acumule compostos maléficos a longo prazo.

Mas, calma! A solução existe e se chama “Shampoo antirresíduos”. Esse produto é capaz de fazer uma limpeza profunda nos fios, transformando a aparência quase que instantaneamente.

Quer saber como limpar seus fios usando essa belezinha? A gente te explica como! Veja abaixo.

Como usar corretamente o shampoo antirresíduos?

Antes de mais nada, é importante mencionar que o shampoo antirresíduos não é um produto de uso diário, pois, se usado em excesso, ele pode deixar o cabelo vulnerável.

O ideal é lavar os cabelos apenas uma ou duas vezes por semana para evitar o ressecamento, surgimento de frizz e aspereza dos fios.

Na hora de realizar a lavagem, o processo é como o tradicional. Basta aplicar o shampoo antirresíduos nos fios, massageando bem o couro cabeludo.

No entanto, depois desse processo, é importante lavar o cabelo com um xampu normal em seguida - aquele que você costuma usar no dia a dia.

Se o seu cabelo for cacheado ou crespo, principalmente, você também deve investir em uma hidratação capilar depois das duas lavagens para evitar o ressecamento e devolver a maciez aos fios.

Depois de todos esses processos, enxágue bem as madeixas e se certifique de que não sobraram resíduos desses produtos no seu cabelo.

Quando usar o shampoo antirresíduos?

O uso desse produto é indicado para os processos de decapagem (retirada de pigmento dos fios com tintura), antes de fazer uma plástica capilar ou outro tratamento que você queira que penetre melhor nos fios.

Além disso, é claro que você pode usar esse produto quando perceber que seu cabelo está pesado e carregado de diferentes produtos.

Shampoo detox é a mesma coisa que xampu antirresíduos?

Muitas pessoas acreditam que Shampoo detox é a mesma coisa que Shampoo antirresíduos, mas não é.

A composição dos dois produtos é diferente, sendo que a composição do Shampoo antirresíduos costuma ser bem mais forte e, por isso, sua limpeza é considerada mais profunda.

O Shampoo detox, no entanto, também ajuda a remover o excesso de substâncias do cabelo, com a diferença de que ele pode ser usado diariamente por quem tem a raiz super oleosa.

Ele pode ser uma alternativa para quem tem o cabelo muito ressecado e tem receio de apostar em um Shampoo antirresíduos.

Agora que você já sabe tudo sobre esse produto, já pode remover todas essas substâncias “sobrando” aí no seu couro cabeludo, certo?
QUERO LER O POST COMPLETO

Recupere a pele e os cabelos!

Vamos recuperar o corpo, os cabelos e a pele de todos os exageros dos últimos dias do feridão. E para te ajudar a voltar à rotina e retomar as atividades com pique e saúde totais, que tal seguir essas dicas?

1-Dê um descanso para a sua pele Aquela maquiagem maravilhosa e todo aquele glitter no corpo que fizeram você brilhar durante a folia, podem causar danos à pele do rosto e do corpo. Portanto, é hora da folga. Utilize um removedor hipoalergênico para remover os últimos vestígios da pele e realize uma esfoliação suave, pode ser com algum produto que já tenha em casa ou seguir uma das nossas dicas com produtinhos naturais, basta clicar aqui. Se você puder, prefira o look natural por alguns dias, abuse de hidratantes com fator UVA, que assim, em alguns dias, a sua pele estará maravilhosa de novo!

2-Hidratação e desintoxicação
É comum exagerar nas bebidas que contenham álcool e açúcar, além das comidinhas mais gordurosas durante as noites do carnaval. Afinal, o corpo precisa de energia extra para aguentar o ritmo. Por isso, adote uma alimentação mais regrada, incluindo frutas, verduras, legumes e grãos durantes as refeições, além de consumir água, muuuita água, sem nada mesmo, no máximo, com algumas gotinhas de limão, o seu organismo precisa descansar. Quer dicas de alimentos que são ótimos e ainda ajudam na saúde dos cabelos? Veja aqui

3-Movimente-se!
Apesar de você ter pulado e dançado bastante durante esses dias, e talvez, estar com aquela dorzinha no corpo, é importante praticar alongamento e retomar a rotina de atividade físicas para continuar a produzir serotonina, manter o equilíbrio da mente e também, ajudar a eliminar todas as toxinas do organismo! Vale caminhada no quarteirão, no parque, aulas de dança, pole dance, tecido ou a tradicional academia, não importa: só não vale ficar parada! 

4-Cuidados com os cabelos
Gel, fixador, finalizador, glitter, puxa daqui, estica dali, prende, solta…transpira. As suas madeixas foram bastante maltratadas nos últimos dias. Então, é hora de investir em um bom shampoo antiresíduos para eliminar qualquer impureza que ainda tenha restado, além de recorrer ao seu combo SOS preferido para lavar, condicionar e nutrir os fios, para deixar os fios limpos, macios e agradecidos pelo carinho após os excessos. 

É claro que você pode utilizar a nossa linha Hair Activated, composta por todos os itens que você precisa para que os seus cabelos se recuperem, além de estimular o crescimento!
*Conteúdo Lumins.
QUERO LER O POST COMPLETO